quarta-feira, 10 de agosto de 2011

[Mês do escritor louco #4] O que sobra?

Cansa a superficialidade das pessoas. Por que insistem em querer parecer algo que não são? Será que é tão ruim assim o verdadeiro “eu” delas? Será que o que os outros pensam importa tanto?

Debaixo de todas as máscaras existe uma pessoa linda. Literalmente sem exceção! Mesmo as que odiamos, que pensamos não serem dignas da vida em si. Provavelmente não são mesmo, mas essa é só a face exterior delas.

Pense bem. Todos amam, todos choram, todos sorriem. Todos precisam se alguém ao lado. E não é isso que somos? Sentimentos, intuições, instintos. O que fazemos, demasiadamente, é cobrir nosso âmago com motivos vazios, algo que justifique. Porque as pessoas esperam justificativas e é aí que toda a falsidade egomaníaca começa.

Depois de todas as camadas externas, o que sobra é o que de fato somos, mas nos esquecemos ou nos recusamos aceitar. E você? Pretende deixar assim? Será que você entende quem você realmente é?


28 de julho de 2009

3 comentários:

Jefferson Sato disse...

Segundo textinho que foi copiado por gente sem criatividade na internet. Se procurar pedaços do texto entre aspas no Google, vai encontrar.

Se bem me lembro, a única cópia é de um blog. O mais interessante é que não sei por que alguém copiaria justo esse texto. Não é só sem criatividade, mas não tem muito bom gosto também.

Nem lembro o que causou esse texto. Provavelmente eu estava morrendo de tédio e comecei a escrever o que estava na cabeça.

Jocee disse...

Eu gostei desse texto, Jeff.

Realmente chega uma hora em que a falsidade das pessoas cansa e as suas máscaras caem. Aí sua verdadeira face vem à tona, algumas pessoas a aceitam do jeito que realmente são, e outras - as que ainda possuem suas máscaras - a julgam, mas se esquecem que um dia sua máscara também vai ser deixada de lado...

Gisele disse...

Sério que copiaram seu texto? Nunca vi nenhum meu por aí, mas tb nunca procurei de verdade.

E se eu achar, eu espanco! AHhahahhahaha


Ótimo texto!

Sabe o que tenho notado? As pessoas gostam de máscaras. Quando tentamos nos mostrar do jeito que somos, aparecem críticas, caras feias, pessoas nos esnobando, pois querem ver a beleza que ELAS julgam bela.

O jeito é esse, mostrar sua verdade para quem quiser (e saber) apreciar.